Sobre Nós

Viva,

Ao longo de 8 anos desenvolvemos um trabalho caracterizado por apoiar pessoas que despertaram para o seu desenvolvimento interior e se motivaram a expandir a sua confiança, a libertar as suas inseguranças e medos, e a mostrarem o seu valor. Foram milhares de encontros, centenas de workshops, palestras e cursos, por todo o Portugal e no Brasil.

Dezenas de eventos e presenças na comunicação social, além de 4 cd’s de meditação produzidos e dois livros editados.

Aprendemos muito e também nós evoluímos e transcendemos a nossa missão.

As mensagens de Kryon têm estado sempre presentes nesta jornada e por isso decidimos criar este blog para que possa receber e sentir tudo o que Kryon tem vindo a disponibilizar através das suas mensagens.

Se quiser fazer parte deste projecto envie-nos um email para kryon.academy@gmail.com e fale-nos de si!

Para saber mais sobre nós e sobre as nossas actividades visite o nosso site oficial em www.insoul.com.pt.

Esperemos tocá-la(o), tal como o Kryon nos tocou a nós!

A Recalibração do “Devias”

Canalização de Kryon ao vivo, cruzeiro da Kundalini à Patagónia 26/01/2012 – Conforme canalizado por Lee Carrol de Kryon

Fonte – http://kryon.com/k_channel 11_Patagonia2-12.html

Para ajudar o leitor, esta canalização foi revisitada (por Lee e Kryon), para proporcionar mesmo uma compreensão mais clara. Frequentemente o que acontece ao vivo, tem implicada uma energia que acarreta um tipo de comunicação que a página impressa não tem. Assim apreciem esta enriquecida mensagem dada na Patagonia no Cruzeiro da Kundalini de Kryon.

Saudações, meus queridos, eu sou Kryon do Serviço Magnético.

Já começaram a sentir? Há uma diferença na vossa perceção, o que torna mais fácil virem comigo para um lugar quântico. O cruzeiro separa-vos da Terra o suficiente para suspenderem a realidade da vossa vida diária. Quando esta viagem terminar, vocês ter-se-ão ligado à família com uma energia de alegria. Terão algumas soluções, terão algumas epifanias, e agora mesmo há o potencial para três curas. Alguns receberão paz, substituindo a ansiedade. Também haverá claridade para alguns planos futuros, e tudo porque se juntaram hoje aqui comigo.

A vossa boa vontade para fazer isto, cria um estado que é um paradigma diferente, uma maneira de ser diferente, uma permissão para pensar de uma maneira clara. Quanto mais fizerem isto, mais sentirão a mudança. Portanto, quero que apreciem este momento e relaxem, sabendo que é verdadeiramente seguro, adequado e próprio. Meus queridos, abram

o vosso coração hoje. Já fizeram hoje muitas coisas do coração [durante o workshop], portanto vamos fazer agora alguns exercícios em lógica espiritual.

Esta não será uma longa canalização, mas farei alguma transferência de informação para vocês. Chamarei a esta informação a recalibração do “devias” – coisas que sentem que deviam fazer ou não deviam fazer de acordo com aqueles que estão no comando. “No comando de quê?” podem perguntar. Bem, eles são aqueles que estão no comando do “devias”, e vocês sabem quem são eles. São tradição, autoridade espiritual, história e a aprendizagem do passado. A informação que dou é específica para cada devia, mas não necessariamente aquilo que vos ensinaram. As coisas estão a mudar, e com a recalibração da energia no planeta, o puzzle em que trabalharam como Trabalhadores de Luz por tanto tempo, está também a começar a mudar. Há só algumas perguntas sobre o “devias” que vamos apresentar hoje, mas serão perguntas que são respondidas com facilidade, porém feitas muitas vezes. Elas cobrem diferentes espécies de assuntos.

Adoração

Vamos começar com uma espiritual: Deus é o criador do mundo, correto? De facto, Ele é. De facto Ela é. Então, não deverá o criador ser adorado? Porque toda a Humanidade viu este facto e tem, portanto, adorado a ideia de Deus, sob muitas formas desde o início. No movimento esotérico da Nova Era, não há adoração. Não há verdadeiramente grandes altares e edifícios. Não há um lugar para ajoelharmos e agradecermos a Deus por qualquer coisa. Portanto, alguém pode confrontar-te, apontar o dedo e dizer-te, “Não estás a adorar como devias.” Qual é a resposta para isto? E o que é que dirias?

Já lhes dei antes a metáfora: Acreditas ser uma peça do criador? Os Mestres que andaram no planeta disseram-te que eras. Um dos mais recentes, o Cristo, identificou-se e disse: “Eu sou o filho de Deus,” e depois ele olhou para as pessoas e disse, “E vós também sois.” Assim é o grande “Eu Sou” que está dentro de vós, mas isto é difícil de ver ou perceber, porque os Humanos procuram a grandeza na divindade. Procuram aquilo que esperam ser Deus no céu, mas não vêm o mesmo atributo dentro de si próprios.

Portanto, vamos redefinir o “Eu Sou”. Vamos decidir o que significa a terminologia Filho de Deus. Significa que são parentes do criador. Significa que o criador pode muito bem ser um que é de facto um membro da família. Têm tranquilidade, falta de drama e segurança quando pensam sobre o que está dentro de vós próprios.

Assim, aquilo que está dentro do Humano, não é necessariamente sentido como a grandeza do criador, mas a família do criador. Portanto, eu pergunto, como se relacionam com a vossa família biológica? Ultimamente, qual deles é que adoraram? Mãe? Pai? Irmã? Irmão? E dirão, “Não, nós não nos adoramos uns aos outros. Nós respeitamo-nos. Antecipamos estar com alguns membros da família. Irmãs e Irmãos. Não há drama, mas muitas vezes a expectativa de divertimento, prazer e alegria. Nós temos carinho para com os nossos. Nós amamo-nos.”

E isso, meu querido, é a resposta para este devia!

Em vez de adoração, há apreciação, reconhecimento, celebrações de agradecimentos e amor.

Isso é uma grande diferença de “ajoelharem-se”, vêm? Porque não emolar as palavras do Mestre? Se és filho de Deus, então não adores Deus. Em vez disso, faz parte da família.

Aprecia o que tens dentro de ti. Sente-te perto do criador quando te sentas na cadeira e não eleves aquilo que não deve ser elevado, mas ama aquilo que deve ser amado.

Vivendo Numa Comunidade Para Ganhar Mais Força

Aqui temos outra: Disseram a alguns de vós que faz mais sentido para os Trabalhadores de Luz juntarem-se, porque logicamente, isso iria criar mais luz. Faria mais sentido porque os Trabalhadores de Luz têm a mesma maneira de pensar e juntavam-se como um grupo e viviam juntos como um grupo. Eles poderiam mais facilmente conquistar aquela cidade como um grupo, a que têm chamado a luz na colina.

Além disso, juntando-se criavam melhor comunicação, ensinamento e proteção contra as velhas energias da Terra e aquelas coisas que iriam interferir no caminho de um verdadeiro Trabalhador de Luz. Há algo de errado com isto? Agora digo-vos que aqueles que vos dizem isto estão num paradigma velho e linear. Eles estão à procura de coisas que sentem iriam construir uma vida melhor, mas perderam a visão do que um verdadeiro Trabalhador de Luz realmente faz.

Estás a aprender a ser um criador da vida auto-suficiente. Poderias caminhar num lugar selvagem e conter tudo o que é. Isto é o núcleo da declaração, “Eu sou o que eu sou.” A declaração não é, “Eu sou o que eu sou, enquanto não forem o que são.” Vês? És um Trabalhador de Luz auto-suficiente! Quando foi a última vez que viste um grande número de faróis todos só numa rocha? Eles não precisam uns dos outros! Quando foi a última vez que viste uma conferência de faróis?

“Bem, isso é estúpido,” poderão dizer. Faróis estão todos ancorados nas rochas. Não podem vir e visitarem-se,” Correto, mas certamente que podem mandar luz de uns para os outros, não podem? É para isso que os faróis estão equipados. Talvez os Trabalhadores de Luz até possam estar ligados uns com os outros quanticamente, e então a distância não faria diferença? [ligação quântica foi mencionada no workshop] Assim, talvez seja tempo para mudar o paradigma de como imaginas o teu lugar no planeta. Precisas de proteção? A tua luz está em perigo?

Quando deixares este lugar e o barco em que viajas chegar ao seu destino, todos se afastarão. Irão para todo o mundo. Alguns de vós ir-se-ão embora sem vontade, com lágrimas nos olhos e dirão, “Gostei disto. Gostaria de continuar aqui a fazer isto.” Mas digo-vos que estão a olhar para um paradigma velho ao sentirem-se com qualquer espécie de pena! Uma vez que toquem o coração de outra pessoa é para a vida se assim o quiserem.

Podem ligar-se e ficarem ligados se assim o quiserem. A vossa reunião aqui pode criar uma rede de luz ao voltarem para aqueles lugares onde se ancoraram na vossa própria rocha e, sozinhos, criam luz num lugar escuro onde podem viver. Percebem?

Não há devias para viverem juntos num grupo. Se fizerem tal coisa, vão deixar o resto do planeta no escuro! É inacreditavelmente egoista e não faz nada por ninguém a não ser para o grupo. Aqueles que fazem isso querem se sentir bem uns com os outros, e isso não ajuda o planeta. Este é o segundo devia.

Comida Espiritual – Qual É A Comida Para Ti?

Vamos mudar de assunto. “Kryon, o que é que devo comer como um Trabalhador de Luz?”

Já ouvi muitas metas. Há aqueles que comem carne e os que não, aqueles que se afastam de tudo o que é processado, e aqueles que não. Até há aqueles que não comem nada e só respiram ar! O que é que devo fazer para honrar Deus, e o meu corpo, com a comida que como?”

Imediatamente haverá aqueles que apontam para muitas escrituras espirituais e dizem, “É isto que deves fazer.” Outros, menos espirituais, poderão dar-vos química pura para limpar a dieta e a saúde. Outros ainda, seguem a tradição da sua herança familiar ou ponderam a integridade de comer um animal. Portanto, onde é que está a verdade nisto? Parece ter lógica aparente e faz sentido para muitos.

Meus queridos, qual é o objetivo? É serem saudáveis e, ao mesmo tempo, honrarem Deus? A maioria diria “Sim,” Muito bem, está na hora de alguma coisa espiritual. Pergunta: Onde estabelecemos que está Deus? Resposta: O criador está dentro de vós. Assim, como é que honram o plano divino que está dentro de vós? A resposta é manterem-se vivos o máximo de tempo que conseguirem! É serem luz no planeta o máximo que puderem. Assim, como é que posso dar-vos um “devias” do regime alimentar a todos vós que são tão diferentes e únicos? A propósito, como é que alguém pode dar instruções genéricas sobre uma “dieta correta” a tão vastos e diferentes tipos de corpos Humanos? Contudo fazem-no.

Aqui têm a resposta: Dentro de cada um de vós há algo que se chama inato. Inato é a “inteligência do corpo”. Inato é a energia da consciência do corpo que usam quando fazem “teste dos músculos” [kinesiologia]. O inato sabe o que está a acontecer ao nível celular do vosso próprio corpo, que vocês não sabem. Inato é a consciência do vosso próprio ADN. É a fonte última para a vossa própria “sabedoria do corpo”.

Inato sabe algo daquilo que se chama herança Akáshica. Isto é o conhecimento de quem eram em vidas passadas. Todas as vossas necessidades dietéticas, para permanecerem vivos com saúde, por mais tempo, são baseadas numa estrutura celular que sabe o que quer e precisa, e “precisa” daquilo a que estava habituado, meus queridos.

Não importa quem são ou onde vivem. Se chegaram a este planeta de uma vida passada na Índia, vão querer comer como os Indianos – mesmo que estejam em Montana! Se passaram vidas na Asia, e hoje são de Brooklyn, provavelmente ainda quererão comer como os Asiáticos. A vossa química “lembra-se” e exige aquilo que sente vai satisfazer uma digestão eficiente e saudável.

A vossa herança Akáshica é muito mais forte do que lhe dão crédito. As energias de vidas passadas NÃO estão no passado! São energias quânticas que fazem parte do vosso “make-up” espiritual que é atual e algo que transportam desta vez como parte do vosso “ser total”. Elas afetam-vos!

O corpo dir-vos-á isso mesmo, se lhe perguntarem. A vossa estrutura celular gritará pelas coisas a que estavam habituados, e fará o vosso corpo relaxar e estar confortável com a química a que estavam habituados. Se vieram pela primeira vez para esta cultura e passaram as últimas cinco vidas noutra cultura, não se surpreendam se lhes apetecer a dieta da outra cultura. A dieta vegetariana será algo que serve a ele/ela porque seguem o seu Akash. Eles comem o que a estrutura celular pede que comam, não algo que alguém lhes disse para comerem para os tornar mais espirituais.

Prestem atenção à inteligência do vosso corpo, porque lhes dirá muito sobre quem eram.

Não há devia exceto um: Permaneçam vivos e saudáveis. Ouçam a vossa estrutura celular e dir-vos-á aquilo que devem comer. Isto não é lógica espiritual para vós? Não tentem converter outra pessoa para a vossa “maneira correta” de comer. Honrem o sistema Akáshico e compreendam que o vosso inato sabe muito mais do que vocês sabem que dará certo para vós. O meu parceiro está presentemente a experimentar a dieta “Sem glúten”. [Humor de Kryon]

Devia Recorrer a Médicos e Drogas para me Curar ou Métodos Espirituais?

“Querido Kryon, ouvi dizer que devemos permanecer naturais e não usar a ciência no planeta para cura. Ir a um médico não honra Deus. Além disso, não dizes que nos podemos curar com as nossas mentes? Então, se o podemos fazer sozinhos, porque é que devemos ir a um médico? Não é só isso, o meu médico não é iluminado, portanto ele não faz ideia sobre o meu inato ou as minhas necessidades espirituais do corpo. O que devo fazer?

Primeiro, Ser Humano, porque é que desejas pôr tantas coisas em caixas? Continuas a querer uma resposta sim ou não para situações complexas devido à tua perspetiva linear, tridimensional em quase tudo. Aprende a pensar fora da caixa 3D! Olha para o título desta secção [acima]. Pergunta qual é a que deves fazer. Já presumes que não deves fazer as duas coisas porque parecem dicotomias.

Vamos usar alguma lógica espiritual: Aqui está uma resposta hipotética, “Não vás a um médico, porque podes curar tudo com a tua mente.” Então agora pergunto: Quantos de vós, nesta sala, conseguem fazer isso, agora? Quantos leitores conseguem fazer isso eficientemente agora? Todos vós são almas velhas, mas estão realmente preparados para fazer isso? Sabem como? Têm bons resultados ao fazerem isso? Conseguem afastar a doença e o desequilíbrio químico com a vossa mente, agora?

Vou dar-vos uma verdade, quer escolham vê-la ou não. Não estão preparados para isso!

Ainda não estão preparados para assumirem o trabalho da cura total usando as vossas ferramentas espirituais. Os Lemurianos podiam fazer isso, porque os Pleidianos ensinaram-nos como! É uma das promessas de Deus, que virá o dia em que o vosso ADN trabalha tão eficientemente que serão capazes de se afastarem de drogas químicas e da indústria médica para sempre, porque terão a energia do criador a trabalhar a 100%, algo que viram nos grandes mestres que caminharam na terra.

Querido, isso será possível dentro da terra ascendida, de que estão à espera. Viram as notícias ultimamente? Olhem pela janela. Já está aí? Estamos a dizer-vos que a energia está a movimentar-se nessa direção, mas ainda não está lá.

Deixem que aqueles que sentem que podem auto curarem-se comecem o processo de aprendizagem. Muitos vão apreciar o facto de terem alguns dos dons para isso, agora.

Comecem o processo, mas não pensem por um momento que chegaram a um lugar onde qualquer assunto de saúde pode ser curado com o vosso próprio poder. Vós sois estudantes de um processo grandioso que eventualmente será vosso se desejarem começar um processo quântico de falarem com as vossas células. Alguns de vós serão muito bons, e outros estarão somente a plantar as sementes.

Agora, gostaria de dizer-vos como é que o Espírito trabalha e os potenciais do que vai acontecer nos próximos anos. Vamos dar aos médicos do planeta invenções novas e ciência nova. Estas serão grandes descobertas sobre o corpo humano e dos seus atributos quânticos.

Olhem para o que já está a acontecer, porque parte desta ciência já vos foi dada e estão a usá-la. Imaginem uma ciência que vos permite transplantar o coração porque o que têm está a falhar. Claro! É uma operação feita muitas vezes por mês neste planeta. Essa informação veio do criador, sabiam? Não caiu da prateleira de uma biblioteca de energia escura para ser usada de maneira diabólica.

Portanto, Trabalhador de Luz, se precisares de um coração novo, deves ir a um médico ou criar um com a tua mente? Até te sentires confortável e que podes substituir o teu coração por um novo, sozinho, então considera usar a informação dada por Deus que está nas mãos do cirurgião. Porque vai salvar-te a vida, e criar uma situação na qual podes ficar e continuar a enviar a tua luz para a terra! Percebes o que estamos a dizer?

Também podes mudar os medicamentos e começar um processo que é espetacular no seu desígnio, mas não muito 3D. Atreve-te a começares a usar aquilo a que chamo o principio homeopático com medicamentos maiores. Se alguns de vós estão a tomar medicamentos maiores afim de alterar a vossa química para viverem melhor e mais tempo, podem sentir que não têm escolha. “Bem, isto está a manter-me vivo,” poderás dizer. “Ainda não tenho a habilidade para fazer isso com a minha consciência, por isso tomo medicação.”

Nesta nova energia há algo mais que podem experimentar. Façam o seguinte com segurança, inteligência, senso comum e lógica. Aqui têm o desafio: O princípio da homeopatia é que uma tintura quase invisível é ingerida e é vista pelo vosso inato. Inato “vê” o que estão a tentar fazer e então ajusta, em resposta, a química do corpo. Portanto, pode não dizer que estão a mandar para o corpo um “sinal para equilibrar.” A porção da tintura não é em quantidade suficiente para fazer qualquer reação química – no entanto resulta!

O corpo [inato] vê o que estão a tentar fazer e coopera. De certo modo poderão dizer que o corpo está a curar-se a si próprio porque são capazes de lhe dar instruções para o que fazer, através da substância homeopática. Assim, porque não fazer isso com um medicamento principal? Comecem a reduzir a dose e comecem a falar com as vossas células, e vejam o que acontece. Se não forem bem sucedidos parem com a redução. Contudo, para vosso próprio espanto, poderão, com tempo, virem a ser bem sucedidos.

Poderão reduzir a dose a que estão habituados a pelo menos um quarto do que era. É o princípio homeopático e permite-vos manter o propósito do medicamento, mas reduzindo-o a uma fração de uma dose comum em 3D. Ainda estão a tomá-lo internamente, mas agora também assinala para além de trabalhar quimicamente. O sinal é enviado, o corpo coopera, e reduzem a possibilidade de efeitos secundários.

Não podem pôr coisas em caixas do sim ou não quando se trata do grande sistema do Espírito. Em vez disso podem usar a lógica espiritual e verem as coisas que Deus vos deu no planeta dentro das invenções e dos processos. Façam a operação, salvem a vossa vida, e digam, “Deus, obrigado, por isto e por ter nascido onde estas coisas são possíveis.” É um assunto complicado, não é? Cada um de vós é tão diferente! Meus queridos, saberão o que fazer. Nunca sintam stress sobre essa decisão, porque o vosso inato vos dirá o que é adequado para vós, se estiverem com vontade de ouvir.

Não Há Uma Nova Era. Deus Não Muda. Mantenham a Tradição

Examinemos a parte final. Há aqueles que vos dirão que Deus é o mesmo de ontem, hoje e sempre. Portanto, eles diriam que não deviam pertencer a um movimento da Nova Era, pois Deus nunca mudará e a energia de Deus será sempre a mesma. Portanto, as vossas ideias de mudança da energia e mudança de Deus é patetice. Depois avisam-vos e dizem,

“Afastem-se da Nova Era e em vez disso sigam as tradições religiosas e os sistemas religiosos e a aprendizagem espiritual que existe e tem uma história com biliões de pessoas na terra.”

Todo este argumento se baseia numa falta de compreensão, meus queridos. Eis aqui a declaração que quero fazer. Deus é o mesmo ontem, hoje e para sempre. É lindo, porque o Deus criador nunca mudará. Contudo, o que está a mudar é o relacionamento do Ser Humano com um Deus que nunca muda. O que está a mudar é a habilidade do Ser Humano de ultrapassar uma velha energia e, com uma nova energia, tomar conhecimento do criador dentro de si. É o Ser Humano que está a mudar, não Deus.

Até mesmo o meio ambiente à vossa volta está a cooperar [Gaia] afim de melhor perceberem um Deus que é o mesmo ontem, hoje e para sempre. A Nova Era é sobre os Seres Humanos reconhecerem que o seu relacionamento com o Espírito está a mudar e a tornar-se mais real nas suas vidas. Isto significa que os Humanos podem agora começar a ver e a sentir o criador dentro de si, de uma maneira nova e profunda. Novas ferramentas espirituais estão à mão e um conhecimento pessoal está a começar a aumentar lentamente.

Os Humanos estão a mudar! Deus é o mesmo.

Saiam da tradição, porque só servirá para os manter numa prisão feita por vós mesmos onde se agarram à mitologia e nunca vêm a magnificência da própria alma.

O ÚNICO Devia

Poderão dizer que há um atributo que faz parte dos devias. Devem sempre permitir-vos discernimento espiritual em todas as coisas. Não ponham em compartimentos as energias à vossa volta – algo que a vossa mente linear deseja fazer. Em vez disso, fundam essas coisas numa sopa de lógica espiritual que faça sentido para a vossa vida. Não apliquem as vossas regras a qualquer outro Ser Humano, mas em vez disso encontrem o que dá certo para vós e festejem à medida que se tornam mais saudáveis.

Meus queridos, eu sou o irmão/irmã Kryon. Conheço-vos. Não interessa se são jovens ou mais velhos neste grupo. Todos vós sois almas velhas que estarão juntas por muito tempo.

Lembrem-se disso. O primeiro mês de 2012. O começo de muitas coisas novas.

E assim é.

K R Y O N

Bem-Vindo!!!

Bem-Vindo,

Este blog é uma partilha das mensagens de Kryon recebidas desde há 8 anos. Com a sua sabedoria temos a oportunidade de nos elevar e de nos tornar-nos pessoas com um maior conhecimento interior, e que por isso podemos contribuir todos os dias para a criação da Nova Terra. Estamos em 2012, e esta é a Oportunidade para o fazermos.

Esperamos que possa usufruir destas mensagens de cura e convidamo-lo a partilhar connosco comentários e experiências. Este é um blog dinâmico, que é construído por todos nós, os que o escrevemos e os que nos visitam.

Quanto maior for a sua Felicidade, maior será a nossa. Bem Haja por isso!

Maria Júlia e Marta